Revista

RSS
Busca:

Novo Toyota SW4 parte de R$ 205 mil

Grandalhão ganha motor V6 mas deixa opção flex para o segundo semestre

Texto: Lukas Kenji | Foto: Divulgação 17/02/2016
 
Voltar

A Toyota lançou oficialmente nesta quarta-feira (17) a nova geração do utilitário SW4 a partir de R$ 205 mil. O valor é exatamente R$ 69.150 superior em relação à versão de entrada da linha anterior. Isso porque a marca deixou para lançar versões com motor flex somente no segundo semestre. Por enquanto, estão disponíveis o novo motor 4.0 V6 a gasolina, além do 2.8 turbodiesel, que substitui o propulsor 3.0 a diesel.

Já que o assunto é motor, vamos detalhar os novos conjuntos. O bloco V6 rende 238 cv e 38,3 kgf.m de torque e está disponível somente com a carroceria de sete lugares. Essa opção tem o preço de entrada (R$ 205 mil), apesar de ser mais potente do que o motor 2.8 turbodiesel de 177 cv. Note, no entanto, que ele proporciona mais torque, são 45,9 kgf.m.

Na versão com cinco lugares, o carro a diesel vale R$ 220 mil, preço que sobe para R$ 225 mil, na alternativa de sete lugares. Apesar de motores distintos, a Toyota considera somente uma versão, chamada de SRX, porque o nível de equipamento é igual. Vale ressaltar que ambas as configurações são acopladas a uma transmissão automática de seis velocidades que podem ser manuseadas por aletas atrás do volante.

DESCOLADO DA HILUX

Assim como o trem de força, o visual do modelo importado da Argentina está bem diferente da geração anterior. Além disso, está desgarrado do desenho da nova Hilux, com quem compartilha plataforma.

Vamos lá: por fora, a grade tem três barras horizontais cromadas, novo formato de para-choque e grade inferior, além de faróis bi-LED e luzes de atuação diurna. Também é marcante a linha lateral do carro, que possui uma barra cromada com uma linha que sobe a partir da última coluna. Por fim, mas não menos impactante, a parte traseira traz lanternas em LED em vez daquelas com formato circular da geração anterior.

VOLTAMOS À HILUX

Já o ambiente interna remete, sim, à picape. As diferenças mais nítidas estão em detalhes coloridos no volante e console central, além do emprego de materiais de melhor qualidade no painel. Tirando isso, temos painel de instrumentos, central multimídia, volante multifuncional, botões do ar-condicionado, manopla do câmbio e até aquele reloginho digital estilo Del Rey idênticos a Hilux.

JUSTIFICANDO O PREÇO

Para justificar o preço de carro de luxo é preciso ter equipamentos e tecnologias como tal. Pois bem, a lista é vasta. Há sete airbags, controle de tração e estabilidade, assistente de reboque, tração 4X4 (com reduzida), bancos de couro, ar-condionado digital com saída para todas as fileiras, controle de cruzeiro, central multimídia com tela de 7 polegadas sensível ao toque que disponibiliza GPS, DVD, TV digital e seis alto-falantes, rodas de 18 polegadas, retrovisores com rebatimento elétrico, entre outros.

Vale lembrar que o carro também evoluiu em tamanho. São consideráveis 9 centímetros a mais de comprimento, totalizando 4,79 metros. A largura aumentou em 1,5 cm, com 1,85 m no total.

A WebMotors realizará o test drive do novo SW4 e publica avaliação em breve.

Lukas Kenji

Lukas Kenji
Quando deixa um pouco de lado a carreira brilhante como piloto de Gran Turismo e Fórmula 1 (no Playstation), faz cobertura diária do setor automobilístico. Muscles cars e clássicos dos anos 1990 são as máquinas prediletas.   

  1. Home
  2. Revista
  3. Lançamentos
  4. Novo Toyota SW4 parte de R$ 205 mil
Busque por marcas e modelos mais populares, e mais:
Marcas mais populares Modelos mais populares Cidades mais buscadas Sites